Ataque ao novo coronavírus. Nós vamos vencer!

O número de pessoas infetadas no nosso país continua, infelizmente, a aumentar. Portanto, não se esqueça, FIQUE EM CASA! Ataque ao novo coronavírus. Somos fortes e resistentes! Façamos um ataque eficaz ao novo coronavírus, que veio alterar drasticamente as nossas rotinas. Apesar de tudo, sejamos positivos, nós vamos vencer!

 

 

Explicar às crianças a importância de lavar as mãos

Propomos-lhe que veja o trabalho seguinte, onde contamos uma história direcionada para os mais pequenos sobre este recente vírus. Sugerimos igualmente uma atividade simples para realizar com as suas crianças, EM CASA, demonstrando-lhes como podemos combater este novo coronavírus. Por um lado, ocupam o tempo com algo lúdico, aprendem, e por outro, tranquilizará aquelas que estejam mais ansiosas com este problema mundial que estamos a enfrentar.


Subscreva a newsletter do blog e seja notificado sempre que lançamos novos artigos.

5 comentário em “Ataque ao novo coronavírus. Nós vamos vencer!

  1. Carla comentou:

    🌻 🌻🌻 Muito Bom. Tentar manter a rotina dentro do que é possível. Embora não pareça estamos na Primavera!🌻Que me lembre nunca uma semana foi tão estranha…
    Mas em vez de lamentar, vamos agradecer por termos saúde. E se olharmos bem, temos muito que agradecer. Saúde a todos🌻 🌻 🌻

  2. Catarina Soares comentou:

    Artigo muito bem estruturado, que de forma simples e muito apelativa explica às crianças a situação excepcional que vivemos assim como sugere uma atividade lúdica que demonstra a importância da lavagem das mãos. Parabéns pelo excelente trabalho!

  3. Manuel Bastos comentou:

    Que texto e video maravilhosos. Palavras motivadoras que bem precisamos neste momento. Experiência muito gira para realizar com as crianças. Muitos parabens pelos excelentes textos que têm apresentado. Continuem com este trabalho magnífico.

  4. Teresa Pimenta comentou:

    Excelente. Temos de pensar nos meninos especiais. Eles tb são gente.
    Apoiar estes meninos e as famílias que neste momento vivem situações muito mais problemáticas que as nossas.
    Bem hajam

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *