Erwin SchrÖdinger

A 12 de agosto de 1887 nascia em Viena, Áustria, Erwin SchrÖdinger, mais um extraordinário físico da História da Ciência. Este físico austríaco faleceu aos 73 anos, a 4 de janeiro de 1961, vítima de tuberculose, em Viena.

Dedicou os seus estudos, especialmente, à mecânica quântica. Nesta área, apresentou a chamada Equação de SchrÖdinger, tendo recebido por esta descoberta o Prémio Nobel da Física, em 1933.

A sua biografia

SchrÖdinger era filho de Rudolf SchrÖdinger, um botânico, e Georgine Brenda, filha de Alexander Bauer, um professor de Química na Universidade de Tecnologia de Viena.

A sua mãe falava tão bem o alemão como o inglês. Por isso, o cientista aprendeu a falar, quase simultaneamente, as duas línguas.

Em 1898 estudou no Akademishes Gymnasium em Viena. Seguidamente, entre 1906 e 1910, foi aluno de Franz Serafin Exber (conhecido como o pioneiro da Física na Áustria) e Friedrich HasenÖhrl (matemático e físico austríaco).

Assim, em 1911, SchrÖdinger começou a trabalhar como assistente de Franz Serafin Exber.

Por outro lado, e desde muito cedo, SchrÖdinger mostrou interesse pelos trabalhos de Schopenhauer. De acordo com a leitura que fez das obras deste autor, SchrÖdinger ficou muito influenciado pela religião oriental, principalmente, a Hindu Vedanta (tradição espiritual preocupada com o conhecimento).

Casou-se com Annemarie Bertel, a 6 de abril de 1920. E, nesse mesmo ano, tornou-se assistente de Max Wien (físico alemão, diretor do Instituto de Física da Universidade de Jena). Também em 1920 torna-se professor associado em Stuttgart e, em 1921, professor titular na Universidade de Breslau, na Polónia.

Em 1922 consegue um lugar na Universidade de Zurique. Seguem-se as Universidades de Berlim (1927), Princeton (1934) e Graz (1936).

Em 1938, torna-se Diretor da Escola de Física Teórica, no Instituto de Estudos Avançados em Dublin. Em conclusão, publicou mais de 50 artigos em variadas áreas do seu interesse.

A sua contribuição para a Ciência 

Em 1926 SchrÖdinger publica no Annalen der Physik o trabalho Quantisierung als Eigenwertproblem – Quantização como um Problema de Autovalor. Este trabalho, na área da mecânica das ondas, fica conhecido como a Equação de SchrÖdinger. De acordo com este estudo foi possível calcular valores de energia corretos para os vários níveis de energia do átomo de hidrogénio. Portanto, esta investigação é considerada uma das descobertas mais importantes do século XX, provocando uma revolução na mecânica quântica e, na verdade, em toda a física e química.

A Mecânica Quântica na vida de SchrÖdinger

A saber, no início da sua carreira, SchrÖdinger debruçou-se sobre a análise dos estudos de Max Planck, Albert Einstein, Niels Bohr, entre outros, precisamente na área da teoria quântica. No entanto, nessa época o físico ainda não estava preparado para se dissociar dos métodos da física clássica. Por isso mesmo, só anos mais tarde, por volta de 1920, começaram a surgir as primeiras publicações do cientista sobre a teoria atómica e dos espetros. É então em 1926 que publica a conhecida Equação de SchrÖdinger, que lhe valeu, em 1933, o Prémio Nobel da Física, juntamente com Paul Dirac (físico teórico britânico).


Subscreva a newsletter do blog e seja notificado sempre que lançamos novos artigos.

Um comentário em “Erwin SchrÖdinger

  1. Anabela Faria comentou:

    Uma excelente referência a um grande físico. Parabéns pelos assuntos tratados, estimulam os nossos jovens a gostar de ciência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *